CONCURSO LITERÁRIO – 22ª EDIÇÃO PRÉMIO DRª TERESA HENRIQUES (POESIA) e PRÉMIO DRª TEODORA MOURATO (PROSA)

Decorreu hoje a cerimónia da entrega dos prémios do Concurso Literário da Fernão, atividade desenvolvida pelo Departamento de Línguas. O júri, constituído pelas professoras Maria Joaquina Matos, Helena Joaquim, Isabel Lopes, Maria Gracinda Correia e Sandra Conceição, decidiu a não atribuição de prémios ao nível do Ensino Básico devido ao insuficiente número de trabalhos entregues e à baixa qualidade dos mesmos.
Porém, no Ensino Secundário, foram premiados os seguintes alunos:
Poesia, 2º Categoria (Ensino Secundário)
1º Prémio: «Prelude OP. 28 No. 4, Chopin», Alice Ribeiro (12º turma 2)
2º Prémio: «Eletrão de valência», Marta Cruz (10º turma 2)
3º Prémio: «Flor», Tiago Ribas (10º turma 3)
 Prosa, 2ª Categoria (Ensino Secundário)
Menção Honrosa: «Querido Diário», Carolina Monteiro (12º turma 2)
Menção Honrosa: «Galerie Chat-Chat», Muriel Dias (11º 2)
Deixamos aqui o poema vencedor com a promessa de publicar os outros em breve.
Prelude Op. 28 No. 44, Chopin
Sinto-o, sinto-o tão lentamente
E vejo-o levantar vagarosamente
Esta fina areia cor da ruína
Feita pela destruição da minha ira.
 
Oiço, neste deslumbrante Largo,
Que o ar está intensamente amargo
E a cada nota dos acordes deste Mi menor
Imagino as pesadas passadas de um Major.
 
Sopra, sopra tão calmamente
E carrega melancolicamente
A efígie deste cenário de guerra,
Refletido naqueles olhos de cor de terra.
 
Dói, dói respirar esta tensão
E suspirar com medo da dimensão
Do vazio causado pela calmaria
De uma pausa que eu jamais domaria.
 
Levo, destes serenos intervalos,
Uma inquieta agitação nos embalos,
Uma esperança subitamente morta
Por uma angústia que ninguém suporta.
 
Sei, sei o final que me aguarda:
Uma paz demoradamente libertada
E um grave incómodo que só o tempo
Me fará voltar a dançar com este vento.
Alice Ribeiro (12º2)